❮  Voltar para listagem

Fotos, arquivos de mídia, atividades online, trabalho remoto… A gente pode não enxergar fisicamente alguns materiais, mas quando falamos que “está tudo na nuvem”, sabemos que nossos arquivos estão disponíveis para acessá-los independentemente de onde estivermos. 

O uso de tecnologias em nuvem (ou em cloud, se preferir) não é novidade, é claro. Mas é impossível negar que o seu uso se potencializou muito nos últimos anos por uma característica própria da sociedade: a necessidade de estarmos conectados e de compartilhar informações de forma rápida e em tempo real. 

Seja no âmbito pessoal, profissional ou educacional, usar as tecnologias disponíveis para aperfeiçoar e facilitar o nosso trabalho também não é algo novo. Sempre buscamos formas mais práticas e rápidas de aprimorar as atividades que desenvolvemos e ganhar tempo – para passarmos a realizar novas tarefas e complexificar os processos. 

É clichê falar que a indústria se reinventou, mas ainda é necessário bater nesta tecla: os processos mudaram e evoluíram, e é necessário acompanhar esta evolução.  

A dinâmica do mercado e da concorrência não permitem mais os “silos dentro das engenharias” para eliminar os ruídos de comunicação. São necessárias flexibilidade para os projetistas desenvolverem seus produtos e, também, segurança da informação para garantir o sigilo das regras de negócio entre fornecedor e cliente.  

Por que as empresas buscam uma solução em nuvem?  

A colaboração em nuvem permite que você conecte todos os recursos mais importantes da sua empresa – pessoas, softwares e dados de projeto – em um único local, unificado e seguro, para colaboração e gestão de documentos com mais eficiência. Vamos destacar 3 das principais motivações que levam as empresas a migrarem a gestão de documentos para uma solução em nuvem:  

Custo da infraestrutura  

Imagine os gastos de uma empresa: aluguel ou custos envolvendo um imóvel, aquisição de equipamentos, customização e implementação de software, manutenção, contratação de funcionários, treinamento para os colaboradores e espaço físico para armazenamento de dados são apenas alguns dos exemplos que mais geram custos para qualquer empresa.  

Some a isto custos com manutenção de equipamentos, atualização de hardware e qualquer outro imprevisto. Uma solução em nuvem, por outro lado, gera apenas gastos com a aquisição da licença, implementação, customização e treinamento.  

Colaboração entre múltiplas áreas  

Em uma grande indústria, é potencialmente problemático gerir todos os setores e se manter informado sobre tudo o que está acontecendo. Com uma solução em nuvem, a integração entre diversos setores é possível, o que facilita a troca de informações e atualização acerca dos processos. 

Proteção do capital intelectual  

Pense em uma empresa que armazena, apenas no formato físico, seus arquivos e histórico de clientes. E se algum imprevisto ou, até mesmo, prejuízos envolvendo o patrimônio da sua empresa ocorrerem? Seus documentos e os de seus parceiros estão seguros?  

O uso de tecnologias em nuvem é tão amplo que não conseguimos explorar todas as suas facilidades. A SKA, empresa parceira da rede, preparou um evento online completo, com casos reais de empresas que estão evoluindo junto com a indústria e se destacando no mercado atual. Clique aqui e saiba mais.

Conteúdos Relacionados

Instituto SENAI utiliza simulação para desenvolvimento de robô pintor

Neste case apresentamos a solução para implementação de um robô pintor para navios desenvolvido por meio de simulação. Acessar matéria    ➔

MES ENTERPRISE AUXILIA TECNOTRI A REDUZIR 60%DO TEMPO DE PARADA DAS MÁQUINAS

Apresentamos o case de sucesso da Tecnotri junto com a Allcance para a implementação do sistema MES focado no processo de rotomoldagem plástica da empresa. Acessar matéria    ➔

Indústria 4.0 na NOVUS: a importância do OEE e sistemas MES

A NOVUS implementou a digitalização em seu processo de manufatura, vivenciando as facilidades da Indústria 4.0 e ampliando a eficiência produtiva. Acessar matéria    ➔